17/11/2017 23:51

Prefeitura de Lucas do Rio Verde reforça fiscalização de limpeza de terrenos

O prazo é de cinco dias para a realização da limpeza
  • Ascom Prefeitura/Josi Pegoraro
  • 09/11/2017 13:23:00


A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, iniciou nessa semana a fiscalização de terrenos no município. Os terrenos particulares e públicos devem estar sem vegetação rasteira e touceiras, pois há grandes riscos de proliferação de pragas, como ratos, escorpiões, cobras, entre outros animais.

Esses lotes também podem favorecer doenças como a chikungunya, zika e dengue, já que os mosquitos se reproduzem em locais com água parada e não há controle sobre isso em espaços abandonados. Além disso, também têm como consequência a poluição visual e trazer riscos à segurança pública, pois pode ser abrigo de pessoas mal-intencionadas.

Os fiscais da secretaria estão fazendo vistoria rua a rua, identificando os lotes que estão em desacordo com a legislação perante a limpeza, desta forma, promoverão a notificação aos proprietários e cada um será informado por meio de publicação no diário oficial e carta registrada. O prazo é de cinco dias para a realização da limpeza, após isso, será feita nova vistoria ou os proprietários que limparem seus lotes podem informar a prefeitura.

Se a limpeza não for executada, a prefeitura poderá limpar e cobrar do proprietário a multa e a limpeza.

O secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente, Márcio Albieri, ressalta que a medida visa evitar o acúmulo de lixo, mato e impedir a proliferação do mosquito transmissor de várias doenças. “A intenção do município não é arrecadar com o trabalho, mas sim, fazer com que os proprietários mantenham os terrenos limpos. Manter o lote limpo só traz benefícios, seja para o proprietário do lugar, seja para a vizinhança e para a cidade como um todo”, frisou Albieri.

Horário de Atendimento 9h às 13h - segunda a sexta-feira
Av. América do Sul, 2500-S - Parque dos Buritis - (65) 3549-8300